domingo, 28 de setembro de 2008

resposta a um comentário

"Há tempos venho acompanhando seu blog e resolvir comentar.
Meu, ou você tah no primeiro ano de engenharia ou não sabe oq na verdade é o curso..
Seus posts são sempre falando de integrais e derivadas, fórmulas asuhsauhs
Como se engenharia fosse isso.. vocÊ tah no ciclo básico neh???
Amigooo, eng é mto mais q integrais múltiplas.. é buscar soluçõse para problemas inimagináveis..
Eng é não é aplicar fórmulas é pensarrrrr e põe pensar nisso.. com uma porra de fórmula na mão e sem conhecimento nenhum vc num chega em nada..
É isso ai..seu blog pode até vislumbrar os iniciantes, mas para quem é engenheiro de verdade é deprimente."



Bom, recebi esse comentário há umas duas semanas.
Eu ia responder ele logo que o recebi, mas o tempo foi passando + deixei de postar no blog + vi isso na caixa de entrada + tempo pra escrever = esse post aqui.

Não estou nos primeiros semestres e até hoje vejo milhares de derivadas e integrais. Nem sei que engenharia a leitora que enviou o comentário faz, mas a que curso usa isso do primeiro ao penúltimo semestre. No último é direito, economia... sei lá, é o mais tranquilo de todos (ou não, com um TCC pra integrar entregar).

Engenharia com certeza é muuuuito mais que apenas integrais e derivadas. Esses são meios matemáticos para achar um valor numérico e antes de poder utilizar desses meios fazemos a parte de engenharia da coisa. Temos de pensar na física e/ou na química envolvidas no processo para, enfim, chegar à parte matemática da coisa e calcular as integrais. Acontece que eu não gosto da parte matemática de tudo isso, e é disso que eu reclamo. Mas já aceitei que tenho de gostar e fazer tudo isso direito se eu quiser me tornar um bom profissional. E também porque nem sempre, dentro da sala de aula, vemos a parte "engenharia" da coisa. Ficamos muito na teoria. O que me rende assunto para um próximo post: experiências práticas / estágios.

Ahh, e pra quem escreveu o comentário... será que o blog é tão deprimente assim? Eu achei um pouco contraditório o que você escreveu: "Há tempos venho acompanhando seu blog / seu blog pode até vislumbrar os iniciantes, mas para quem é engenheiro de verdade é deprimente."
Pô, ou você não é engenheira ou então gosta de ficar deprimida, hein. Depois passa seu endereço que eu mando uns anti-depressivos, ou então me dá o n° de uma conta bancária pra eu depositar o dinheiro pra você comprar. Eu não queria escrever algum comentário sarcástico, mas não resisti.

É isso aí.
Abraços! E aguardem atualizações, só não sei quando.

14 comentários:

Mario disse...

rsrsrsrs
boa resposta

Mário eng. mecatronica

Anônimo disse...

ela tá com TPM

Anônimo disse...

Owned!

Anônimo disse...

Falou tudo Engenheiro! concordo plenamente contigo! claro que calculo naum eh tudo na Engenharia, mas com certeza é a base do curso!

moreno disse...

Essa bicha é doida....
deve ter alguma frustação....

Anônimo disse...

ela tá com TPM - 2 votos

Jaqueline disse...

hihiii...

Ela tá com TPM [3] - e, sim; ela necessita de remédios anti-depressivos; ao menos pra ocupar o tempo que ela tem de sobra pra escrever comentários assim.

Adoro ler teu blog, venho sempre por aqui.

Jaquinha - lá da Eng Química, hehe...

Flw!

TESLA disse...

Isso é falta de rola!
E olha que ela faz engenharia hein... já pensou se fizesse nutrição, que não tem homens.. ela já estaria numa camisa de força!

Rodrigo disse...

tpm [4] sem mais comentarios!! shaushuashuas

Anônimo disse...

tpm [5] sem mais comentarios!! shaushuashuas

Feds disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Feds disse...

eu concordo em termos com ela, realmente engenharia está muito alem de integrais e derivadas e aplicação de formulas, mas é claro que elas não deixam de ser essenciais e são de fato a base do curso.
antes de entrar na facul todos me diziam que calculo e fisica eram os bichos papões das faculdades de engenharia, de fato dependendo do professor pode ser um problemão mesmo, mas em geral o nivel de dificuldade é tranquilo se comparado ao das matérias especificas de engenharia que trabalham com a parte aplicada do conhecimento matemático. Creio que foi isso que a colega quis diser, de uma forma nada educada hehuehuehue

Michael disse...

"Isso é falta de rola!"

as vezes ela não gosta dessa fruta kkkkkkkkkkk

Jorge Luís disse...

Eu agora to no quinto semestre de civil. Tem três materiaszinhas que pqp;; é limite, derivada, integral direto!

As matérias: Resistência dos Materiais I, Eletrotécnica e Mecânica dos Fluidos...

Até economia aplicada à engenharia, a gente ve derivadas, principalmente -parciais-