segunda-feira, 16 de fevereiro de 2009

trote

Bom, eu não ia postar nada sobre o assunto, até mesmo porque nem lembrava que isso existia até ontem, quando fui "obrigado" a assistir duas reportagens sobre o assunto.
Nunca participei de trotes. Onde estudo eles são proibidos, o que é bom.
A desculpa do pessoal (das faculdades onde rola trote) é: confraternizar e conhecer os calouros (ou bixos). Mas isso é apenas uma desculpa pra bagunçar e humilhar.
Acho que deveriam participar da brincadeira apenas aqueles que realmente querem brincar. As pessoas têm o direito de não querer o cabelo raspado, ter o corpo pintado com tinta, etc.
Onde estudo o trote que acontece é uma espécie de festa, onde realmente há uma confraternização e a única coisa que os bixos são "obrigados" é a ter o corpo pintado. Obrigados entre aspas porque não é uma obrigação. Todos saem pintados, mas porque querem, porque é uma confraternização onde até os veteranos saem pintados. Nenhuma cabeça é raspada, ninguém bebe se não quiser beber e por aí vai.

Um trote que eu vi e, na minha opinião, está de parabéns é o de medicina de alguma faculdade (não sei qual) que passou na TV ontem. Os calouros são "obrigados" a passar um dia no hospital brincando e alegrando crianças doentes.

É isso.

Cliquem aqui e leiam a opinião da Sara, do blog Mulheres na Engenharia, sobre trotes.

6 comentários:

Anônimo disse...

Sábias palavras. Concordo plenamente contigo. E humilhação é mesmo a palavra.

renata izandra disse...

concordo totalmente... na minha escola ninguém obriga a nada não... só pintar mesmo, pedir dinheiro no sinal XD
comentando ja dos outros posts... se fodeu la, hein?! mas vc nao precisa exatamente ir com roupa social... poderia ter ido com um tenis bonitinho, calça jeans bonitinha e uma camisa social ou bem bonitinha! hauhahuauhahu
e sobre os "porques"... eu também não sei usá-los muito, só sei q "porque" é resposta, "porquê" é tipo motivo ("O porquê de ele ter faltado...") e "por que" é pergunta! :B
ps.: só pq nego é engenheiro tem q escrever "erradu"? fala sério, né! todos têm de escrever corretamente :)

Carol disse...

Desde que eu não seja humilhada ou obrigada a fazer algo q eu não queira, passo pelo trote numa boa. Minha mãe viu essas reportagens sobre os trotes e está horrorizada, está pensando até em ir comigo no primeiro dia de aula =/
Beijão!

P.S. Agora não tem mais jeito! Definitivamente não serei engenheira! hasuahsuahs

miss brightside disse...

ah, nem fala em trote \\:
minhas aulas começam esse ano e pá.. to morrendo de medo do trote,rs!

Gio Menegatti disse...

onde eu estudo, por tratar-se de uma Instituição Federal, tem trote.
O meu, ano passado quando entrei, levei de boa. Era apenas tinta e carimbo no rosto, mas esse ano a coisa foi feia para os calouros.

Sinceramente, eu acho que as coisas não deveriam ser tão pesadas assim! É horrível isso.
Tinta e carimbo td bem, mas ovo, banana, farinha e tudo mais não é certo.

Enfim, sou a favor do trote inteligente, apenas.

Richard Henry disse...

Só um aviso de que não ir no primeiro de dia de aula pra fugir de trote normalmente não adianta... a maioria dos trotes ocorre em outros dias.